Telefone: (11) 2071-5584 | (11) 2072-4922 | E-mail: contato@grhconsultoria.com.br

Administração Escolar

administracao-escolar

Administração Escolar

Postado por agenciam na categoria Destaques 05 fev 2016

A gestão educacional nacional é baseada na organização dos sistemas de ensino federal, estadual e municipal e das incumbências desses sistemas; das várias formas de articulação entre as instâncias que determinam as normas, executam e deliberam no setor educacional; e da oferta da educação pelo setor público e privado.

Cada sistema tem um papel a desempenhar no contexto educacional do País. No que diz respeito a educação básica, cabe aos Estados, Distrito Federal e Municípios ofertá-la, por sua vez, o ensino médio é um dever dos Estados e do Distrito Federal e a educação infantil dos Municípios.

As instituições de ensino cuja União é responsável são as escolas particulares e órgãos federais, já aos Estados e Distritos Federais compete as instituições de ensino mantidas por eles, as de nível superior mantidas pelos Municípios, as particulares de ensino fundamental e médio, os órgãos estaduais de educação e as instituições municipais de ensino particulares de educação infantil. Aos Municípios compete as instituições de educação infantil e de ensino fundamental e médio mantidas pelos municípios, as instituições particulares de educação infantil e os órgãos municipais de educação.

Diferente da gestão educacional, a gestão escolar, trata das incumbências que os estabelecimentos de ensino possuem, respeitando as normas comuns dos sistemas de ensino. Cada escola deve elaborar e executar sua proposta pedagógica; administrar seu pessoal e seus recursos materiais e financeiros; cuidar do ensino-aprendizado do aluno, proporcionando meios para a sua recuperação; e articular-se com as famílias e a comunidade, proporcionando um processo de integração.

Outro ponto importante na gestão escolar é a autonomia que a escola possui e que estar prevista na Lei nº 9.394/96, de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) de 1996. Através dessa autonomia as escolas conseguem atender as especificidades regionais e locais, assim como as diversas clientelas e necessidades para o desenvolvimento de uma aprendizagem de qualidade.

Com base nisso, podemos perceber que a gestão educacional é compreendida através das iniciativas desenvolvidas pelos sistemas de ensino. Já a gestão escolar, situa-se no âmbito da escola e trata das tarefas que estão sob sua responsabilidade, ou seja, procura promover o ensino e a aprendizagem para todos.

dicas

Dicas de Gerenciamento escolar

Gestão Financeira e Contabilidade das Escolas      

Os mecanismos administrativos que ocorrem em todo o processo estudantil, em menor ou grande escala, são fatores relevantes e devem ser obervados para ampliar visões, detectar possíveis erros e reparar danos para adotar uma gestão escolar plena e livre de complicações.

Garantir uma gestão financeira eficiente demanda uma preocupação em projetos, planejamentos, organização, transparência e uma minuciosa administração do orçamento. E algumas etapas podem facilitar o cotidiano do gestor, como definição de prioridades, cálculo correto dos gastos, elaboração do orçamento geral, prestação de contas e comprovação dos gastos.

A contabilidade de uma forma geral aplica-se as mais diversas situações e organizações. O que não é diferente quando falamos de escolas, ou gestão escolar, que no caso, engloba tanto o ensino público quanto privado. Sendo a escola uma organização que movimenta recursos materiais, financeiros e humanos, óbvia será a necessidade de um sistema contábil organizado para nortear todo esse aparato funcional.

As aplicações do sistema contábil nas escolas não fogem demasiadamente da estrutura padrão, apenas ocorre à adaptação dentro das informações geradas pelas instituições de ensino. Basicamente o modelo contábil é o mesmo, ficando margem para poucos ajustes operacionais.

Tantos as escolas quanto à ciência contábil, trabalham com um grande fluxo de informações no seu dia-a-dia, salvo suas aplicações e situações cotidianas, pertinentes a cada uma. Com o advento da internet e demais recursos tecnológicos, essas informações servem como suporte a tomada de decisões, principalmente as advindas da contabilidade.

Dessa forma, a contabilidade estruturada, bem gerida, irá proporcionar reais condições para um modelo de gestão adequado as escolas, visto que essa tem papel fundamental na formação do cidadão. Fica comprovado mais uma vez que a contabilidade tem papel social pleno na construção de uma sociedade.
Gestão Contábil

Elaboração de balancete e balanço
Análise operacionais
Avaliação fiscal
Classificação contábil
Acompanhamento de débitos e créditos tributários
Cálculos de amortização e depreciação
Conciliação das contas
Análise das contas de resultado
Levantamento de balancete
Apuração dos resultados

OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS

ECF – Escrituração Contábil Fiscal
DCTF – Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais
ECD – Escrituração Contábil Digital
DEFIS – Declaração de informações Socioeconômicas e Fiscais

ORIENTAÇÕES ESTRATÉGICAS

Documentação Contábil
Receitas Operacionais
Legislação e Documentação Contábil
Passivo Tributário

 

 

 

Comentários desabilitados, em caso de duvidas entre em contato conosco.